Imunidade tributária de livros e jornais é so pra livros e jornais e não para insumos, diz STF.

Com base em jurisprudência dominante no Supremo Tribunal Federal (STF), em julgamento de embargo de divergência, o ministro Celso de Mello reafirmou entendimento  de que imunidade tributária assegurada a livros, jornais e periódicos não se estende a insumos, produtos e maquinários.

Notícias STF :: STF – Supremo Tribunal Federal.

Compartilhe nossa pagina

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *