Serra e o falconismo geopolitico do Brasil

Embaixador Pinheiro Guimarães critica a visão de José Serra sobre a Venezuela

O ex-embaixador Samuel Pinheiro Guimarães considera equivocada a posição do ministro das Relações  Exteriores, José Serra, de impedir que o venezuelano Nicolás Maduro assuma a presidência pro tempore do Mercosul.

 Pinheiro Guimarães disse que o presidente do Mercosul não tem poder para deliberar ou falar pelos países membros. “É apenas uma espécie de anfitrião das reuniões, onde então, na presença dos demais presidentes, são tomadas as decisões”, disse ele.

O mandado do presidente do Mercosul é de apenas seis meses em uma sistema rotativo automático pela ordem alfabética. Depois da Venezuela a presidência vai para a Argentina.

O importante para o Mercosul são as políticas econômicas adotadas pelos países membros. Como o Brasil e a Argentina são responsáveis por 90% da economia do Mercosul, que as políticas que venham a adotar sejam favoráveis ao crescimento é que fará a diferença.  Segundo Guimarães, o que ocorre no Uruguai, no Paraguai e na Venezuela tem uma importância econômica menor.

Compartilhe nossa pagina

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *